Foi inaugurada na manhã desta sexta-feira (22) o primeiro Colégio do Futuro “Antônio Mendonça”, que vai atender 200 (duzentos) alunos de seis meses a cinco anos de idade, em parceria com o Instituto Soleil, instituição que possui excelência na área da educação.

A cerimônia contou com a presença do prefeito Danilo Joan, da presidente do Fundo Social de Solidariedade, Nadja Haddad, do vice-prefeito Moacyr Pedro da Silva, do presidente da Câmara dos Vereadores de Cajamar Saulo Anderson Rodrigues, dos vereadores Aguinaldo Aparecido Camonge Ferreira (Pezão), Claudinei Lucio Rodrigues (Neizão), Edivilson Leme Mendes (Pretinho), Eder da Silva Domingues (Edinho), Fábio Pontes, Feliciano, Izelda, José Adriano da Conceição (Adriano Tica), Luiz Fabiano Cordeiro Galvão (Fabiano Galvão), Marcelo da Rocha Santiago (Marcelo do Gás), Orivaldo Carlos Meira (Carlinhos da Padaria), do secretário de Educação, Régis Luiz Lima de Souza e do presidente do Instituto Soleil, Salamon Bicanaro, além dos secretários municipais, educadores, pais e alunos.

Durante a solenidade alunos do Projeto Palco da EMEB Maria Gonçalves de Freitas Gonçalves fizeram uma apresentação para o público presente.

Dentre os serviços oferecidos, a nova EMEB conta com uma ação inédita que faz parte da proposta da nova gestão municipal, a escola atenderá crianças com menos de 1 ano de idade, nos chamados berçários, algo que nunca aconteceu no município.

Por meio do Projeto Identidade Cajamar, diversas ações terão início nesta primeira unidade do modelo educacional, que tem sido denominado “Colégio do Futuro”. A escola de educação básica “Antônio Mendonça” contará com aulas de balé e judô, ateliê Reggio Emilia, espaço montessoriano, minhocário, ranicultura, terrário, robótica educacional, ateliê Mondrian e a tenda Mãozinha na Massa. Outro diferencial desta nova unidade educacional, são as aulas de inglês, as quais serão desenvolvidas num ambiente educacional diversificado. Ao todo serão mais de 50 profissionais totalmente capacitados, pensando sempre no desenvolvimento integral da criança.

“Inovadora. Essa é a palavra para definir o Colégio do Futuro que estamos inaugurando. Mais que uma escola, é um novo conceito de ensino, onde iremos priorizar o aluno, com foco no estímulo à criatividade e ao desenvolvimento de cada criança”, explicou o prefeito Danilo Joan.

Segundo o secretário de educação, Régis de Souza, “a intenção é tornar a educação de Cajamar referência na região, como prevê o projeto Identidade Cajamar. Outra meta da Secretaria de Educação é que todas as 33 escolas municipais sejam reformadas”, disse.

A estrutura

O prédio onde foi construído a Escola do Futuro tem 1.237,09 metros quadrados, distribuídos em 5 blocos, sendo um administrativo, bloco de serviços, bloco multiuso e dois blocos pedagógicos com recepção, além da secretaria, diretoria, sala de professores, almoxarifado, sanitários, rouparia, lavanderia, depósito de material de limpeza, vestiários, cozinha, lactário, nove salas de aula com fraldário (Creche I), sanitário (Creche II), atividades, repouso, alimentação, sala multiuso, sanitários para adultos com necessidades especiais, sala de apoio à informática, sala de telefonia, pátio coberto e playground.
Novas diretrizes

A Escola do Futuro inicia um novo conceito de educação que visa melhorar a qualidade da educação básica em toda a rede municipal de ensino e traz a possibilidade da realização de atividades pedagógicas, com foco em estimular a criatividade e o desenvolvimento de competências e habilidades específicas de cada estudante.


COMENTE ABAIXO

Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.