A Educação de Cajamar não para de inovar. Em atendimento a um pedido do prefeito Danilo Joan, que é o de adotar um novo modelo de educação na cidade, que agregue valores culturais e de lazer aos pedagógicos, a Secretaria de Educação vem promovendo atividades extra-classe com mais de 11 mil alunos matriculados na rede.

E dando continuidade a essa ação, mais de 700 crianças das EMEBs Profª Cleide Aparecida Fiuza Penido, Victor Henrique Costa Possebon e Josué Moreira Sena, visitaram, na manhã desta terça-feira, 29, o sítio Ecolândia, na cidade de Araçariguama. Trata-se de um complexo ecológico que, em seus quase 100 mil metros quadrados, abriga uma série de equipamentos onde as crianças passam um dia agradável, desfrutando de toda a infra-estrutura que o local oferece.

Lá, aprendem brincando valores como consciência ambiental e respeito à natureza. Monitoradas por aproximadamente 50 funcionários, elas fazem trilha, visitam o estábulo, e tem contato com animais como cavalos, porcos, cabras e pavão, dentre outros. Cercada de muito verde, as crianças participam de atividades cívicas e esportivas.

Cerca de seis mil alunos da rede já visitaram o sítio. De acordo com o secretário de Educação, Prof. Dr. Régis Souza, o objetivo da iniciativa é promover pelo menos uma atividade extra-classe de qualidade às crianças. “Todas as escolas serão contempladas com esse passeio. Acredito que o lazer ecológico é um grande aliado da educação”.

Recepcionado pelo empresário Vrejhi Sanazar, proprietário do Ecolândia, o prefeito Danilo Joan visitou as instalações do sítio e foi ver de perto, como é o dia dos alunos que participam dessa atividade. “Fico muito satisfeito em saber que nossas crianças estão tendo a oportunidade de frequentar um local com tão boa qualidade e tanto valor sócio-ambiental. Essa medida faz parte de uma estratégia para promover a qualidade de vida e enriquecer o conteúdo pedagógico, além de fortalecer laços de amizade. Esse esforço vai ao encontro às nossas metas de sempre valorizar a educação de Cajamar, tanto dos alunos, quanto dos professores”, disse.


COMENTE ABAIXO

Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.