- publicidade -  

O time de futebol americano Cajamar Hunters vem se consolidando no município com um trabalho social ativo e contínuo, muito além das quatro linhas, em diversas frentes de trabalho.

O Time já arregaçou as mangas para melhorar o município várias vezes em 2018.

No começo do ano, em parceria com a Diretoria de Esportes, os Hunters ajudaram na pintura da pista de caminhada, na Av. Jordano Mendes, em Jordanésia.

Também participaram ativamente da Campanha do Agasalho, em parceria com a Academia Boa Forma, Projeto Social Amigos do Bem e com o Um Só Motoclube.

Para interagir melhor com as raízes do time, eles fizeram uma doação de um jogo de uniformes de futebol para a Tribo Tekoá Piau, no Jaraguá. A tribo luta para conviver com a metrópole tão próxima, e com vários problemas financeiros, a doação foi muito bem vinda.

Em agosto, os Hunters iniciaram um projeto em parceria com o Criança Feliz, projeto de trabalho social em escolas do município, voltado para crianças e adolescentes de baixa renda. Desde então, o Hunters mantém uma “escolinha” de Futebol Americano para crianças, ensinando o esporte e seus valores.

Em setembro, os Hunters cumpriram com sua já tradicional agenda anual de Doação de Sangue. Dessa vez um familiar de um dos atletas precisou da doação, e o time se prontificou a ajudar.

Em outubro, também em parceria com o Criança Feliz, o Hunters participou do evento para o mês da Criança, no Parque São Roberto. Além de Vários brinquedos e atrações, o evento também contou com refrigerantes e outros donativos para os pequenos.

Segundo o Presidente do Hunters, Paulo Neto, o time quer, cada vez mais mostrar seu trabalho social, interagir com a sociedade cajamarense e contribuir para a melhoria do município.

Os Hunters encerraram sua participação na Pick Six Cup, principal campeonato paulista que acontece no segundo semestre, mas ainda tem compromissos em campo, até dezembro.
Quer participar do time? Entre em contato com os Hunters através do Facebook fb.me/cajamarhunters ou do Instagram @cajamarhunters.

O esporte que mais cresce no país também é o mais eclético, pois tem espaço para todas as alturas e pesos. Basta ter, no mínimo 16 anos e muita disposição!


COMENTE ABAIXO

Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.