Disque Denúncia para animais domésticos começa a funcionar em São Paulo.
- publicidade -  

Você ouve o choro incessante do cachorrinho e gritos do seu vizinho. Imagina que algo ruim está acontecendo com o animal, mas não sabe o que deve fazer. O governo de São Paulo lança nesta segunda-feira, 1º, um disque-denúncia específico para esses casos.

Os moradores de 39 municípios da Grande São Paulo e da capital paulista poderão contar com o serviço. Antes, as denúncias eram feitas pelo telefone 190 da Polícia Militar. Em 2017, foram 22 mil casos de maus-tratos envolvendo animais domésticos em todo o Estado.

A Subsecretaria Estadual de Defesa dos Animais monitora ações envolvendo educação, adoção e controle populacional de cães e gatos, por meio de campanhas de castração. Em junho deste ano, o Projeto de Lei 417/2018 foi encaminhado à Assembleia Legislativa Ele estabelece condutas infracionais contra animais domésticos e descreve casos que podem ser considerados maus-tratos.

No atendimento, o denunciante recebe orientação profissional especializada. Após o registro da ocorrência, um veterinário acompanha a equipe até a casa do denunciado para verificar a situação do animal e emitir um laudo técnico como prova. Assim, Ministério Público pode utilizar o documento para uma eventual condenação do agressor.

Em casos de maus-tratos, o animal será acolhido pelo Resgate PET que fará os primeiros atendimentos médicos veterinários e o levará ao abrigo. Assim que conseguirem ter a saúde restabelecida e com autorização judicial, os pets poderão encontrar uma nova família por meio das feiras de adoção promovidas pela Subsecretaria Estadual de Defesa dos Animais.


COMENTE ABAIXO

Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.