A Polícia Federal prendeu em flagrante, nesta quarta-feira (6/6), um residente da cidade de Cajamar, de 39 anos, em posse de quem foram encontrados fotos e vídeos com crianças e adolescentes em cenas de abuso sexual.

A investigação foi iniciada em março de 2018, a partir de informação recebida do Órgão Central da Polícia Federal – URCOP/SRCC/DICOR, que, em cooperação com a adidância americana, recebeu a notícia de que um homem utilizava uma conhecida rede social para aliciar menores de idade, obtendo e compartilhando arquivos contendo abusos sexuais. O suspeito tinha mais de 20 perfis falsos na rede.

- publicidade -  

Identificado o endereço e o possível criminoso, a equipe de policiais, contando com a participação de um perito criminal federal, compareceu ao local e constatou que o criminoso efetivamente mantinha em sua posse arquivos com conteúdo de pornografia infantil. Foram apreendidos no local, assim, um notebook e o aparelho celular do preso, sendo que em ambos havia materialidade delitiva.

O criminoso foi conduzido à Delegacia de Polícia Federal em Campinas, onde foi indiciado e preso em flagrante pelo crime do artigo 241-B da Lei 8069/90 (Estatuto da Criança e do Adolescente), bem como pelos crimes previstos nos artigos 241-A e 241.

O material apreendido será periciado e as vítimas, de diferentes locais do Brasil, serão contatadas.


COMENTE ABAIXO

Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.

- publicidade -