Jaqueline Coutinho deve assumir o Executivo no plenário da Câmara de Sorocaba (Foto: Zaqueu Proença/Prefeitura de Sorocaba)
- publicidade -  

or 14 votos contra 6, o prefeito de Sorocaba (SP), José Antonio Caldini Crespo (DEM), teve o mandato cassado após quase 10 horas de sessão extraordinária na Câmara de Vereadores, nesta quinta-feira (24).

A decisão foi divulgada às 21h53 desta quinta-feira (24) e é a primeira vez na história da cidade que um chefe do Executivo é afastado do governo. A vice-prefeita, Jaqueline Coutinho (PTB), vai tomar posse no plenário do Legislativo e será a primeira mulher a assumir o cargo.

- publicidade -  

O mandato de Crespo foi cassado após 14 vereadores votarem a favor do relatório da Comissão Processante que apontou que houve quebra de decoro na polêmica envolvendo o prefeito e a então vice, Jaqueline Coutinho (PTB). O documento também concluiu que Crespo cometeu crime de prevaricação ao se omitir sobre a denúncia do uso de diploma falso por Tatiane Regina Polis, então sua assessora.

Crespo já foi deputado estadual e vereador em Sorocaba. Nas eleições de 2016 recebeu 182.833 votos, o que corresponde a 58,48% dos votos válidos, e foi eleito chefe do Executivo.


COMENTE ABAIXO

Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.