Tarifa de energia terá alta média de 4,48%. Distribuidora fatura R$ 13 bilhões por ano - Foto: Arquivo

Desde a última terça-feira, dia 4, as tarifas de energia residenciais da AES Eletropaulo estão mais caras, o reajuste foi de 5,15%, por determinação da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL). Já as indústrias terão acréscimo de 2,37%.

A nova tarifa chega aos clientes, a partir de agosto. Essa elevação está sendo aplicada a 20,1 milhões de clientes, em 24 cidades. Desse total, 6,9 milhões estão localizados na região metropolitana de São Paulo e o restante nos municípios no oeste do estado de São Paulo.

A AES Eletropaulo responde pela distribuição de 34,1% da energia consumida no estado, um universo que representa 9,8% do consumo nacional.

Veja a lista de cidades atendidas pela Eletropaulo:

Barueri, Cajamar, Carapicuíba, Cotia, Diadema, Embu das Artes, Embu-Guaçu, Itapecerica da Serra, Itapevi, Jandira, Juquitiba, Mauá, Osasco, Pirapora do Bom Jesus, Ribeirão Pires, Rio Grande da Serra, Santana do Parnaíba, Santo André, São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul, São Lourenço da Serra, São Paulo, Taboão da Serra e Vargem Grande Paulista.


COMENTE ABAIXO

Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.