Para manifestar interesse, estudante deve acessar a página do programa

O prazo para o candidato manifestar interesse em participar da lista de espera do processo seletivo do Programa Universidade para Todos (ProUni) termina às 23h59 desta quarta-feira (8).

A manifestação deve ser feita pela página eletrônica do programa. A relação dos participantes da lista será divulgada no próximo dia 10.

“É muito importante que o candidato fique atento à divulgação da lista de espera e compareça à instituição de ensino com toda a documentação que comprove as informações prestadas durante a inscrição no programa”, ressalta o diretor de Políticas e Programas de Graduação do MEC, Vicente Almeida Junior. Os estudantes que fizerem parte da lista de espera têm os dias 13 e 14 de março para levar os documentos à instituição de educação superior.

Pode participar da lista de espera, exclusivamente para o curso correspondente à primeira opção, o candidato que não foi pré-selecionado nas chamadas regulares ou que foi pré-selecionado na segunda opção de curso, mas reprovado por não formação de turma. Ao manifestar interesse na lista, o estudante deve informar os mesmos nome de usuário e senha utilizados para a inscrição no Exame Nacional do Ensino médio (Enem).

No caso da lista de espera exclusiva para o curso correspondente à segunda opção, pode participar quem não foi pré-selecionado nas chamadas regulares, caso não tenha ocorrido formação de turma na primeira opção de curso; não pré-selecionado nas chamadas regulares, na hipótese de não haver bolsas disponíveis na primeira opção de curso; ou pré-selecionado na primeira opção de curso, mas reprovado por não formação de turma.

A lista de espera do ProUni é única para cada curso e turno de cada local de oferta, independentemente da opção original dos candidatos pela concorrência a vagas destinadas à implementação de políticas afirmativas ou à ampla concorrência.

O ProUni oferece bolsas de estudo integrais e parciais (50%) em instituições privadas de educação superior, em cursos de graduação e sequenciais de formação específica, a estudantes brasileiros sem diploma de nível superior.


COMENTE ABAIXO

Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.