Sede do Sítio Agar no Distrito do Polvilho.

O Sítio Agar (Lar de crianças e jovens HIV positivo ou afastados de suas famílias), localizado em Cajamar, necessita de alimentos, em especial leite, latarias e até doces, que ajudarão 44 crianças e adolescentes, 11 idosos, e 20 crianças na unidade de Várzea Paulista.

Em uma entrevista feita pelo JJ (Jornal de Jundiaí), a coordenadora de Marketing da entidade, Maura Regina Pandolphi, explicou que há muita dificuldade da casa em receber perecíveis, como carnes. Só com alimentação os gastos chegam a R$ 81 mil na unidade de Cajamar. “Sempre fazemos uma festa para o final de ano, inclusive com ceia, mas para que possamos fazê-la, precisamos de doações. Oferecemos também as sacolinhas que talvez sejam mais práticas porque as pessoas podem escolher de acordo com a possibilidade de cada um.”

Maura comentou para o JJ que para ajudar as pessoas a organizarem suas doações, a entidade criou as sacolinhas, que podem ser montadas de acordo com os itens estipulados pela entidade. Por exemplo, o tema delícia (2 litros de leite, 1 pacote de pó de café, 1 lata de chocolate em pó, 1 bolo, 3 bolachas recheadas, 1 caixa de chocolate, 1 saco de bala, 1 salgadinho, 2 gelatinas e 1 suco); forte (1 pacote de arroz, 1 pacote de feijão, 2 litros de leite, 2 pacotes de macarrão, 2 latas de molho, 1 leite condensado, 1 creme de leite, 1 lata de ervilha, 2 latas de sardinha); baby (1 lata de neston, 1 lata de mucilon, 1 lata de farinha láctea); higiene (1 xampu, 1 condicionador, 1 desodorante, 1 hidratante, 1 aparelho de barbear).

As doações podem ser feitas diretamente nas unidades (Cajamar ou Várzea Paulista) ou é preciso pedir que elas sejam retiradas. Mais informações pelos telefones (11) 4448-1243 ou 4448-2524 ou no site clicando AQUI


COMENTE ABAIXO

Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.