Hoje pela manhã vizinhos e pessoas próximas da vítima haveriam negado a morte da criança. O Diário Cajamarense entrou em contato com o Hospital de Itapevi, que não quis se manifestar sobre o caso, já que a Polícia ainda investiga o crime.

Em contato com a Delegacia de Polícia de Santana de Parnaíba, a reportagem do Diário Cajamarense, recebeu a informação que a criança permanece internada no Hospital de Itapevi e que não haveria um comunicado oficial sobre o estado da criança.

Entenda o caso

Uma criança de dez anos de idade teria sido  vítima de torturas e abuso sexual pelo namorado de sua irmã, um adolescente de 17 anos. O caso aconteceu em Santana de Parnaíba. A vítima foi violentada durante uma semana e encontrada por vizinhos gravemente ferida.

De acordo com vizinhos, a família da vítima tentou encobrir o crime, mantendo a menina escondida em um quarto durante sete dias, por temer o criminoso.

O adolescente teria raptado a criança como forma de chantagear a família da menina em troca de um carro. Durante o socorro, a mãe da criança, ainda tentou impedir que a levassem, segundo relatos dos moradores do bairro.

A menina foi socorrida e encaminhada ao hospital Santa Ana, em Santana de Parnaíba, ainda na terça-feira (09), mas em seguida, foi transferida para o Hospital Geral de Itapevi.

Ainda segundo vizinhos, o estuprador se entregou na delegacia de Santana de Parnaíba, na noite de quarta-feira (10), após sua mãe ter sido presa em seu lugar. O adolescente foi apreendido e encaminhado à Fundação Casa.

Qualquer novidade entrar em contato com a nossa redação: redacao@diariocajamarense.net


COMENTE ABAIXO

Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.