Ação da PM levou dois para a cadeia e apreendeu bananas de dinamite

A prisão dos acusados ocorreu no Jardim São Camilo após denúncia anônima de que em um imóvel do bairro estavam criminosos responsáveis por roubos e explosões de terminais bancários para o furto de dinheiro dos aparelhos.

Uma ação foi montada para conferir a denúncia e, se confirmada, impedir que os bandidos fugissem, sendo ela coordenada pelo tenente Zagatto. Dois cabos (Marcelo e Da Mata) dividiram as equipes (soldados Jefter, Balera, Cleberson, Iorio, Brito, Fabiano Lopes, Bajluk, Vieira, Barreto e Azevedo) e todos se dirigiram em seguida ao bairro.

Ali, o imóvel indicado foi cercado, sendo encontrados em seu interior os explosivos e uma escopeta calibre 22, bem como uma réplica de pistola e outra de revólver. A escopeta estava carregada com seis munições e foi achada logo após a detenção dos dois homens, que foram identificados como Aelson Jesus de Melo, de 29 anos, e Railton José dos Santos, de 27.

Melo já havia sido preso no último domingo, acusado de receptação, mas pagou fiança para responder ao processo em liberdade. Santos, por sua vez, registrava antecedente criminal por roubo. Ambos foram levados à Delegacia de Investigações Gerais (DIG), onde também foram apresentados todos os objetos achados na casa, incluindo os notebooks, possivelmente levados nos assaltos.

Investigações

De acordo com os investigadores Tafarello, Vanessa e Roberto, a DIG apura o envolvimento dos detidos nos crimes dos quais são suspeitos. Eles informaram que um levantamento para descobrir o dono dos notebooks já foi iniciado e pode revelar se foram ou não roubados e quem seriam as vítimas. O delegado-assistente da unidade, Carlos Eduardo Barbosa Soares, foi o responsável pelo auto de prisão em flagrante da dupla.

fonte http://www.jj.com.br/noticias-26320-policia-militar-apreende-explosivos-e-prende-dois-no-sao-camilo-


COMENTE ABAIXO

Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.