Após muita polemica envolvendo o atendimento do garoto Maylon de Almeida Chaves pelo Hospital Regional, a instituição Fenaesc atual administradora da hospital emitiu uma nota oficial esclarecendo o que realmente aconteceu.

Segunda a nota oficial, o Hospital realizou todos os procedimentos no atendimento a Maylon de Almeida Chaves, que deu entrada as 20:14 do dia 8 de janeiro. Após ter sido atendido e medicado, o paciente ficou em observação aguardando resposta para vaga em hospital de referência da Instituição, para que pudesse ser atendido por um ortopedista e operado. O hospital por várias vezes solicitou a vaga, sempre recebendo respostas negativas de Franco da Rocha e Francisco Morato.12573923_1059962450716630_4021494466831170029_n

Horas depois as 7 da manhã, o paciente foi atendido por um médico Ortoped
ista do próprio Hospital Regional de Cajamar, o qual realizou procedimento de redução do trauma e novamente solicitou vaga para o garoto.

Durante todo o decorrer do dia foram várias as vezes que os hospitais de Franco da Rocha e Francisco Morato recusaram a ceder vaga, e por vários motivos, entre eles, a chegada de 5 politraumas na unidade o que impossibilitaria de receber o paciente.

Segunda a nota, todos os procedimentos possíveis foram realizados pela administração do Hospital Regional de Cajamar e que documentos que comprovam a ação está à disposição do paciente e família para consulta no Hospital de Cajamar.

Ainda em nota, a empresa Fenaesc faz menção as mudanças feitas no hospital e colaboradores para melhorar o atendimento, como a comprar de uma ambulância UTI –Móvel 24 horas e a construção e implantação de novos leitos de UTI e Semi-Intensivo na unidade.

Veja a nota OFICIAL enviado por e-mail.


Deixe seu curtir em nossa página do Facebook

[wpdevart_like_box profile_id=”DiarioCajamarense” connections=”show” width=”300″ height=”214″ header=”big” cover_photo=”show” locale=”pt_BR”]


COMENTE ABAIXO

Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.